OBJETIVOS DO BLOGUE

Olá, bem-vindo ao blog "Chaves para a Sabedoria". A página objetiva compartilhar mensagens que venham a auxiliar o ser humano na sua caminhada espiritual. Os escritos contém informações que visam fornecer elementos para expandir o conhecimento individual, mostrando a visão de mestres e sábios, cada um com a sua verdade e experiência. Salientando que a busca pela verdade é feita mediante experiências próprias, servindo as publicações para reflexões e como norte e inspiração na busca da Bem-aventurança. O blog será atualizado diariamente com postagens de textos extraídos de obras sobre o tema proposto. Não defendemos nenhuma religião em especial, mas, sim, a religiosidade e a evolução do homem pela espiritualidade. A página é de todos, naveguem a vontade. Paz, luz, amor e sabedoria.

Osmar Lima de Amorim


terça-feira, 2 de dezembro de 2014

UMA ALEGRIA INFINITA (PARTE FINAL)

"(...) o livro Um Curso em Milagres (Glen Ellen, Foundation for Inner Peace) ensina que o que acontece no mundo é apenas uma cortina de fumaça com o objetivo de encobrir uma luz que não pode ser encoberta; quando descobrimos isso procuramos eliminar a cortina para olhar e vivenciar o que está além dela. Somos prisioneiros da fumaça até o momento que nos voltamos para dentro e do fundo do nosso silêncio interno redescobrimos, nas asas do silêncio, a sabedoria da luz. Essa sabedoria fala da necessidade de mudar nossa visão de mundo e de deixar de lado, a visão egotista para abraçar a visão iluminadora que transborda dos ensinamentos dos grandes mestres de todos os tempos.

Tentar mudar o mundo sem fazer nada para mudar nosso interior é tentar mudar o efeito sem fazer nada para mudar a causa. A causa da destruição está dentro de nós, no nosso ego, e só quando a causa é modificada as mudanças duradoras realmente acontecem. O sistema de pensamento egotista destrói o altar divino interior, e, com nosso altar profanado, normalizamos a loucura e cometemos atos de violência contra nossas ecologias pessoal, social e ambiental.

Esse é o momento de, por meio do silêncio interior, soltar o prisioneiro das ilusões do ego, dissolver as barras que bloqueiam o que temos de mais caro e rico dentro de nós. Livres como um passarinho, poderemos voar até o pico mais alto das montanhas do Himalaia mental, e, assim, adquirir uma visão que não depende dos olhos físicos. Isso nos abrirá para uma compaixão genuína por tudo e por todos e alimentará nossa felicidade eterna."

(Antonio Monteiro dos Santos - O silêncio e a verdade interior - Revista Sophia, Ano 12, nº 52 - p. 21)

Nenhum comentário:

Postar um comentário